From the albums Kybernetes EP and Kybernetes (EP)

Lyrics, music and production: Hughes Brisson

Paroles, musique et production: Hughes Brisson

Letras, múscia et produção por Hughes Brisson

Lyrics

Batida da Natureza
(Letras e música: Hughes Brisson)

Sou o homen alto-falante

pasSOU o momentO
não digO mais aMEM
o reAL é o que sintO
o que me Faz o alto-falANTE

Batida da cura
batida dada pela busca
batida da onda
batida da natureza
batida infinita já
contida na de cima
batida contínua
tida da natureza minha

Da voz soando
se gera um vento.
E deste vento
surgirá a cura.
O vento espalha
som, ondas no ar.
O vento se espelha
nas ondas do mar.

Da voz soando
se gera um vento.
E este vento
inicia a onda.
Momento esticado
e amplificado
Até o destino
que é o encontro.

Batida da cura
batida dada pela busca
batida da onda
batida da natureza
batida infinita já
contida na de cima
batida contínua
tida da natureza minha

Ente da arte

eu sou o homEM
alto-falanTE
encho o ar DA
minha ARTE

Batida da cura
batida dada pela busca
batida da onda
batida da natureza
batida infinita já
contida na de cima
batida contínua
tida da natureza minha

Da voz soando
se gera um vento.
E deste vento
surgirá a cura.
Do sobro o artista
cria, pois precisa.
O ar, tela vazia
a espera da obra.

Batida da cura
batida dada pela busca
batida da onda
batida da natureza
batida infinita já
contida na de cima
batida contínua
tida da natureza minha

Sou o homem alto-falante.